sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Quando a alma está com sede

image

Como o cervo brama pelas correntes das águas, assim suspira a minha alma por ti, ó Deus! A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo; quando entrarei e me apresentarei ante a face de Deus? – Salmo 42.1,2

O salmista compara a sede que um animal sente pelas correntes de água, com a sede que ele sentia pela presença de Deus. Ele dizia isso por se encontrar longe da cidade de Jerusalém e do templo, que era o lugar para onde iam todos aqueles que queriam estar próximos de Deus. Jesus disse que chegaria o dia, e já chegou, em que não seria necessário ir a Jerusalém para se encontrar com Deus. Bastaria que o invocássemos aonde quer estivéssemos. Ele também disse que onde dois ou três estivessem reunidos em seu nome, ai já seria a casa de Deus, ainda que fosse à sombra de uma árvore. Que bom saber que Deus não tem um endereço fixo, e que não é propriedade particular de nenhum povo! Quem quiser, poderá encontrar a Deus.

Porém, mesmo sendo tão simples encontrar a Deus, muitos se distanciam dele. Os projetos próprios, a corrida por um alvo, as preocupações da vida, tudo isso pode fazer com que, aos poucos, a pessoa vá se distanciando de Deus. Estas coisas, mesmo não sendo más em si mesmas, se tornam abismos que chamam outros abismos. Então surge o grande sinal do distanciamento de Deus: a sede na alma, um vazio e uma insatisfação que tornam o mundo preto e branco. Ao sentir este vazio, alguns tentam saciar sua sede com coisas que só fazem aumentá-la.

O salmista preferiu fazer como o cervo que quando está com sede corre para as águas. Deus é a nossa corrente de águas.

O salmista disse que sua sede estava deixando sua alma abatida. O abatimento da alma, que hoje em dia recebe mil e um nomes, só cessará quando corrermos para Deus. Não em Jerusalém, mas no santo dos santos que é o nosso coração.

Pr Edmilson

3 comentários

Postar um comentário

Faça o Pr Edmilson feliz: Deixe um comentário respeitoso, gentil, edificante e construtivo. Algo que enriqueça o que foi dito.
Agradeço o tempo que você gastou ao deixar algumas palavras aqui.



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

BlogBlogs.Com.Br