domingo, 15 de novembro de 2009

O poder das palavras

image

Não tenha medo; tenha fé – Lucas 8.50

Jairo dirigia-se apressado à sua casa acompanhado do Senhor Jesus. Ele havia deixado sua filha doente e foi à procura do homem de quem diziam que operava milagres. Ele que era um dos principais da sinagoga, abriu mão de suas convicções religiosas e foi procurar o homem de quem os rabinos de sua nação diziam que não passava de um charlatão. O amor de um pai pode transpassar muitas barreiras! Quando estavam perto de sua casa, alguém veio ao seu encontro para lhe dizer que era tarde demais, pois sua filha havia acabado de morrer. Imagino o semblante de Jairo ao ouvir aquelas palavras. Eram palavras que vinham acabar com suas esperanças. Eram palavras que vinham derrubá-lo. As palavras têm o poder de fazer isso. Gosto de dizer que deve existir um filtro entre a cabeça e a boca a fim de sabermos o que devemos e o que não devemos falar. Deve haver um filtro a fim de sabermos qual é a melhor ocasião e forma certa de se falar aquilo que deve ser dito, pois, até a mais pura verdade, dita em hora errada e da forma errada pode destruir a alegria de alguém. Jairo estava numa correria em busca de uma solução para sua filha, e veio alguém para lhe dizer que não adiantava mais. Eis aí um exemplo de palavras destrutivas! Quando se vê alguém fazendo o que pode para mudar uma situação, a última coisa que devemos falar-lhe é que não adianta mais. Se não tivermos algo a dizer que incentive a pessoa a continuar tentando, é melhor não dizermos nada.

De um lado estava alguém que veio roubar as esperanças de Jairo, mas, do outro estava o Homem que lhe disse: “Não tenha medo, tenha fé. Ela vai ficar boa”. Não se trata aqui daquelas palavras açucaradas, mas vazias, que se tenta dizer a pessoas que atravessam momentos difíceis. Não se trata aqui de “veja o lado positivo das coisas”. Não! Trata-se aqui de palavras carregadas de esperança da parte de alguém que sabia muito bem que todo aquele que busca soluções, acha. Estava ali Aquele que disse que aquele que pede recebe. Jesus estava ali mostrando que só é tarde demais para aquele que deixa de acreditar e de buscar.

Para lidar com aquela situação, Jesus mandou que aqueles que estavam chorando saíssem e só ficassem os que acreditavam. Sair de perto de quem só sabe chorar nos ajudará a levantarmos a cabeça. Um milagre de ressurreição aconteceu ali. Mas, só presenciaram-no quem acreditou. Jairo viu o quanto vale a pena buscar e dar ouvidos somente a palavras de vida. Diante dos desafios da vida, o Mestre nos diz: “Não tenha medo, tenha fé”.

6 comentários

Postar um comentário

Faça o Pr Edmilson feliz: Deixe um comentário respeitoso, gentil, edificante e construtivo. Algo que enriqueça o que foi dito.
Agradeço o tempo que você gastou ao deixar algumas palavras aqui.



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

BlogBlogs.Com.Br