quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Os muros que nos protegem do engano

image

Percebi que não era Deus quem o enviara; tal profecia falou ele contra mim, porque Tobias e Sambalate o subornaram – Neemias 6.12

Numa época em que Jerusalém se encontrava desolada e com seus muros destruídos, Deus levantou Neemias a fim de levantar o ânimo do povo e os muros da cidade. Vemos em toda a narrativa do livro de Neemias que, primeiramente, Neemias deu o exemplo de disposição e coragem para que o povo fosse inspirado por ele. Neemias saiu do conforto do palácio do rei da Pérsia e se empenhou em uma tarefa nada fácil. Ele estava com sua vida feita como pessoa de confiança do rei, mas abriu mão de sua posição cômoda para fazer o que ele acreditava ser mais importante.

Quando se dispôs a reconstruir as muralhas da cidade, Sambalate e Tobias, os inimigos de Israel, primeiramente zombaram para ver se ele e o povo desistiriam, depois investiram com ameaças para paralisa-los através do medo. Como por estes meios não conseguiram nada, investiram de uma forma mais sutil.

Quando os muros já estavam terminados, faltando apenas colocar as portas, Neemias foi chamado à casa de um certo Semaias. Não se sabe muita coisa sobre este homem, pois, nada mais se fala dele em nenhum outro lugar na Bíblia. Mas, o texto nos dá a entender que ele era algum profeta. Ele se encontrava “encerrado” em sua casa. Provavelmente envolto em um ar místico de retiro espiritual em sua casa, Semaias fala a Neemias de uma suposta revelação de que seus inimigos vinham ao seu encontro para matá-lo e que o melhor seria correrem para o Lugar Santo do templo a fim de se esconderem. Ao receber este conselho, Neemias ficou alerta. Que conselho era aquele? Se esconder?! E se esconder num lugar que a própria lei de Deus dizia que somente o sacerdote poderia entrar, coisa que Neemias não era?! Alguma coisa estava errada!

Com toda firmeza, Neemias disse que não iria fugir, pois não era do seu feitio fugir do que quer que fosse. De onde vinha tamanho discernimento a ponto de Neemias rejeitar prontamente aquele conselho vindo de um profeta, de um homem que estava recluso em sua casa a fim de “buscar a Deus”?

Neemias tinha princípios que guiavam sua vida e o faziam caminhar com segurança: um era sua vida de comunhão com Deus através da oração, o outro era a palavra de Deus, a qual ele procurava conhecer e viver. Por andar próximo a Deus, ele sabia que palavras que vêm nos amedrontar não provêm de Deus. Deus semeia fé e coragem. Quem semeia medo é o diabo através de seus emissários. Por conhecer a palavra de Deus, Neemias sabia que Deus não iria mandá-lo fazer algo contrário à Sua palavra. Só os sacerdotes poderiam entrar no Lugar Santo, a palavra de Deus dizia isso. Deus não manda ninguém desobedecer Sua palavra.

O texto não diz que Neemias ouviu uma voz do céu dizendo que Semaias estava mentindo. Está escrito: “percebi que não era Deus que o enviara”. Neemias “percebeu”. Quem possui uma vida de comunhão com Deus e está firmado em Sua palavra, sempre perceberá os ardís do diabo ainda que ele se apresente como um anjo de luz.

Neemias estava ensinando o povo a levantar muros não somente em volta de uma cidade, mas também, em volta de sua vida. Muros falam de firmeza, proteção e definição. Quem se firma na palavra de Deus, está construindo muros espirituais em sua vida.

Tivesse Neemias atendido a voz de Semaias, teria pecado contra Deus e jogado seu nome e sua reputação na lama. Logo, todo o Israel ficaria sabendo que seu governador que tanto os encorajava havia fugido com medo. Logo todos ficariam sabendo que o homem que tanto os incentivava a serem fieis a Deus, havia agido em contradição com Sua palavra. Neemias seria desmoralizado. E é isso o que acontece com todos os que seguem palavras e conselhos contrários à palavra de Deus, ainda que tenham saído da boca de um “profeta”. O diabo quer desmoralizar pessoas. Suas vítimas são aqueles que não têm muros de proteção em sua vida espiritual. Aprendamos com Neemias e... mãos à obra.

Pr Edmilson

1 comentário

Postar um comentário

Faça o Pr Edmilson feliz: Deixe um comentário respeitoso, gentil, edificante e construtivo. Algo que enriqueça o que foi dito.
Agradeço o tempo que você gastou ao deixar algumas palavras aqui.



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

BlogBlogs.Com.Br