domingo, 15 de março de 2009

Sisudo

image

Havia um irmão que me chamava a atenção pela forma que ele se portava nos cultos. Seu rosto parecia não dizer nada. Poderia estar numa reunião de oração, de adoração de estudo ou do quer que seja, que lá estava o irmão com seu olhar vazio e sua expressão inexpressiva. Era praticamente impossível se saber se aquele irmão estava gostando ou não da palavra, se estava entendendo ou não, se estava recebendo ou não. De vez em quando se via sua boca se mexendo e parecia que ele dizia “amém” ou “glória a Deus”.

Em vigílias e cultos de oração, enquanto a maioria estava orando à moda “pentecostal” (sabe, né?), lá estava ele no seu cantinho, orando de uma forma inaudível para qualquer outro que não fosse Deus. Qualquer um rotularia aquele irmão de “frio”.

Num retiro, após uma palavra que falava de experiência profunda com Deus, vi muitos chorando, prostrado com seu rosto no chão tocados pelo poder de Deus e pela palavra pregada por não me lembro quem. Olhei para o irmão e... lá estava ele sentado de cabeça baixa orando. Começava a pensar que aquele irmão tinha algum escudo protetor que impedia a passagem do que quer que fosse para ele.

Mas, após o término daquela ministração, aquele irmão se aproximou de mim, com os olhos secos e com aquele rosto de estátua, e me disse:

- Pastor, louvo a Deus pelo tanto que Deus tem te usado. O senhor nem imagina o quanto as palavras que Deus tem te usado para falar tem tocado meu coração. Tenho sido muito abençoado.

- Tem??!! – disse eu (só em pensamento, é claro).

Me lembrei do episódio em que Mical criticou Davi ao vê-lo pulando e dançando com todas as forças diante de Deus (2 Sm 6.16). Muitos são criticados por seus aparentes exageros ao chorar, pular, dançar diante de Deus. Mas, muitos também são criticados por sua aparente frieza diante de Deus.

Cada um tem sua maneira de reagir à presença de Deus e tem sua maneira individual de adorá-lo. Tenhamos respeito pela individualidade de cada um.

4 comentários

Postar um comentário

Faça o Pr Edmilson feliz: Deixe um comentário respeitoso, gentil, edificante e construtivo. Algo que enriqueça o que foi dito.
Agradeço o tempo que você gastou ao deixar algumas palavras aqui.



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

BlogBlogs.Com.Br