segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Sinto que estou afundando

image

E ele disse: Vem! E Pedro, descendo do barco, andou por sobre as águas e foi ter com Jesus. Reparando, porém, na força do vento, teve medo; e, começando a submergir, gritou: Salva-me, Senhor! E, prontamente, Jesus, estendendo a mão, tomou-o e lhe disse: Homem de pequena fé, por que duvidaste? – Mateus 14.29-31

Pedro caminhou por sobre o mar, não porque tivesse feito uma confissão positiva nem por que decidiu fazer isso. Ele caminhou por cima das águas por que o Mestre lhe ordenou que assim o fizesse. A palavra de ordem de Jesus era como uma rocha sobre a qual Pedro caminhava. Tempestades e mar agitado é algo que nós também enfrentamos. Pedro nos ensinou que devemos caminhar sobre a palavra de Jesus a nós a fim de caminharmos em triunfo.

Porém, veja só, Pedro começou a afundar. Ele que começou caminhando triunfantemente sobre o mar agitado e sobre as ondas, agora começou a afundar. Seria a palavra sobre a qual estava caminhando que deixou de funcionar? Não. Foi Pedro quem deixou de olhar para ela e passou a observar a força do vento. Aquele vento já estava forte quando ele começou a caminhar sobre as águas, mas só agora ele passou a reparar na força deste vento. Foi aí que começou a afundar. E todo aquele que passa a tirar seu foco de Jesus e de suas palavras, começa a sentir medo e a afundar. Não faltam coisas para tirar nossa atenção e desviar nosso foco. O medo, na verdade, é somente um indício de que perdemos o foco. O medo nos faz afundar. Mas, o que fazer quando sentimos que estamos afundando? Pedro continua a nos traze preciosas lições.

Quando sentiu que estava afundando, ele clamou a Jesus. “Salva-me, Senhor”, gritou ele. Temos que estar atentos a nossa situação e, se sentirmos que estamos afundando, não podemos deixar que o processo de afundamento continue. Devemos sim, clamar a Jesus e pedir sua ajuda. Muitos são os que morreram afogados por não pedirem a ajuda do Senhor. Pedro, porém, clamou e prontamente Jesus estendeu a mão para ele. O Mestre o repreendeu por sua falta de fé, mas, não deixou que ele morresse afogado. Se estivermos sentindo que estamos afundando, clamemos a Ele. Ele nos faz caminhar sobre as águas novamente.

 

Pr Edmilson

2 comentários

Postar um comentário

Faça o Pr Edmilson feliz: Deixe um comentário respeitoso, gentil, edificante e construtivo. Algo que enriqueça o que foi dito.
Agradeço o tempo que você gastou ao deixar algumas palavras aqui.



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

BlogBlogs.Com.Br