domingo, 18 de outubro de 2009

Não julgue nem menospreze

image

“Tu, porém, por que julgas a teu irmão? e tu, por que desprezas o teu? pois todos compare­ceremos perante o tribunal de Deus.” (Roma­nos 14:10)

Duas coisas nos são aqui proibidas: “julgar” e “menosprezar”, isto é, um ato exterior e uma atitude interior. Pode ser que não haja chegado ao ponto de expressar abertamente um julgamen­to sobre meu irmão. Muito bem, mas o estou ava­liando desfavoravelmente, diante de mim mesmo? Secretamente eu o lastimo, porque não vê as coi­sas como eu vejo? Desprezo-o em meu coração como fraco ou excêntrico? Se é assim, estou em perigo, pois meu próximo passo será assumir que, por isso, sou melhor do que ele. Se eu o despre­zo, então é bem certo que penso demasiadamente de mim mesmo.

Devo guardar-me de me classifi­car como espiritualmente forte, pois isso denun­cia a Deus a minha própria carnalidade. E claro que Ele deseja que eu discirna claramente entre o certo e o errado, mas nunca devo tornar os outros em vítimas de meu discernimento. O tri­bunal é de Cristo, e ainda está no futuro. Quem de nós se atreverá a usurpar sua função agora?

W. Nee

3 comentários

Postar um comentário

Faça o Pr Edmilson feliz: Deixe um comentário respeitoso, gentil, edificante e construtivo. Algo que enriqueça o que foi dito.
Agradeço o tempo que você gastou ao deixar algumas palavras aqui.



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

BlogBlogs.Com.Br