quinta-feira, 4 de março de 2010

A voz da consciência

image

Absolve-me das [faltas] que me são ocultas (Salmo 19:12).

Cada indivíduo tem uma consciência, essa voz interior que às vezes incomoda e nos mostra o bem e o mal. Certamente a noção do bem e do mal varia segundo as sociedades e as épocas; todavia, cada um tem uma referência pessoal que o incomoda caso não a queira ouvir. Se cometemos ações más, a consciência torna-se uma voz acusadora que inces­santemente nos lembra do que fizemos.

Quantos procuram calar a voz de sua consciência culpada mediante diversas atividades, até mesmo por meio de práticas religiosas; porém muitas vezes tudo é em vão. A consciência não nos deixa tranquilos, causa-nos a sensação de mal-estar e per­turba nosso sono; coloca diante de nós as pequenas ou grandes contas que ainda não acertamos e pelas quais um dia teremos de responder.

É necessário, pois, escutar a voz da con­sciência e não tentar calá-la, porque ela pode perder sua sensibilidade, devido ao menosprezo e ao esmagamento. Contudo quando o fim da vida se aproxima, as lembranças da consciência intensificam-se perturbando-nos com a pergunta: O que há depois da morte? A resposta de Deus esta cheia de graça: o sangue de Jesus Cristo basta para limpar-nos de todo pecado.

 

____________________________

Fonte: Boa Semente, 1999

6 comentários

Postar um comentário

Faça o Pr Edmilson feliz: Deixe um comentário respeitoso, gentil, edificante e construtivo. Algo que enriqueça o que foi dito.
Agradeço o tempo que você gastou ao deixar algumas palavras aqui.



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

BlogBlogs.Com.Br